terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Segurança Eterna é um Projeto Comunitário | John Piper [2/5]

Hebreus ensina a segurança da salvação eterna

Com base nesse texto, já afirmei, em outras oportunidades, que o livro de Hebreus ensina a segurança eterna. Ou seja, ensina que se você se torna verdadeiramente um participante de Cristo, sempre será um. Ele atuará em você para preservar sua fé e esperança. Outra forma de afirmar isso é que se você é um filho de Deus, não pode cessar de ser um filho de Deus. Mas todos sabem que há muitas pessoas que começam a vida cristã e então caem e abandonam o Senhor. Esse tipo de pessoa está muito presente na mente desse escritor. Ele sabe o que acontece, lida com isso nesse texto e sabe evitar que essa queda aconteça. Mas quando isso acontece, sua explanação não é que a pessoa realmente era um participante de Cristo, mas que ela jamais havia se tornado um verdadeiro participante dele. Se guardarmos firme nossa confiança, tornamo-nos participantes de Cristo; se não, então não nos tornamos um deles.

Em outras palavras, perseverar na fé e esperança, guardando firme sua confiança em Deus, não é uma forma de se precaver quanto a perder sua posição em Cristo; é uma forma de demonstrar que você tem uma posição em Cristo. Essa posição jamais pode ser perdida, porque você a detém pela livre graça de Deus e porque Cristo a prometeu com um pacto e um juramento (Hebreus 6,17-19) preservar aqueles que são seus (Hebreus 13,5; 20–21). Em outras palavras, minha segurança e confiança não são uma decisão ou uma oração que me lembro de tê-la feito no passado; minha segurança e confiança são a fidelidade e o poder de Deus de me manter esperando nele no futuro. Minha segurança é que "aquele que começou boa obra em mim há de completá-la até ao Dia de Cristo Jesus" (Filipenses 1,6).




[1ª Parte] Dois grandes "ses"
[2ª Parte] Hebreus ensina a segurança da salvação eterna
[3ª Parte] Como você pode "se afastar de Deus" se você jamais foi um cristão?
[4ª Parte] Como podemos ter certeza de nossa segurança de salvação eterna?
[5ª Parte] Como a igreja nos ajuda a evitar que tenhamos um "perverso coração de incredulidade"?

Fonte: Desiring God
Tradução: Editora Fiel